Dicas de Excursões, City Tour: Recife e Olinda. Informações: (81) Oi 988778752

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

12 março 2017

O QUE FAZER EM RECIFE E OLINDA

O que fazer em Recife e Olinda ? Não tem como negar que as cidades de Recife e Olinda são duas obras da natureza, dois polos turísticos de extrema importância para o Estado de Pernambuco, ambas são lembradas sempre no mês de março, isto Porque Recife e Olinda fazem aniversario no mesmo dia. Rivalidade pra lá, amizade pra cá, mas as duas belas cidades tem como deixar qualquer turista boquiaberto pelas beleza que ambas vislumbram.

Vista das duas cidades Recife e Olinda

Onde ir em Recife e Olinda ? Em Recife as pontes históricas, os passeios nos mercados, nos museus, os fortes que historicamente serviram de proteção à cidade, e que hoje abrigam acervos de documentos que retratam as lutas do povo que um dia na história do Brasil, resolveram deixar o rastro de um estado que não queria se encurvar diante da Coroa Portuguesa, instalando no Recife a primeira República brasileira.

Recife da Casa da Cultura, antiga detenção, que hoje atrai turistas com seus artesanatos, o museu Ricardo Brenannd, as esculturas de Brenannd no Marco Zero, o Paço alfândega. Enfim, a cidade não deixa o turista respirar com tantas opções turísticas. A famosa praia de Boa Viagem, Passeios de Catamarã. Ufa!, é bom parar, tem muita coisa pra se ver no Recife.

Vista aérea Museu Ricardo Brenannd

Olinda, primeira capital pernambucana, fundada por Duarte Coelho Pereira, um donatário enviado da Corte portuguesa para administrar a capitania. Famosa pelas suas ladeiras, suas igrejas históricas, a cidade alta. 

Ladeiras de Olinda

Olinda também tem uma história de luta no Brasil Colonial. Olinda, guerreira, um dia também experimentou a luta com sua co-irmã, Recife. Quem não se lembra na luta dos senhores de engenhos contra os comerciantes portugueses, pelo reconhecimento da vila, da cidade. 

Na segunda metade do século XVIII, o açúcar brasileiro na Europa deu uma queda nos preços. Os senhores de engenhos contraíram dívidas e mais dívidas com os comerciantes de Recife, e cada vez mais os senhores de engenho iam à falência, daí nascendo rivalidades entre eles. Nessa época os comerciantes eram chamados de "mascates".

Guerra dos Mascates

Politicamente Olinda tinha mais poder que Recife, pois a Câmara Municipal era controlada pelos senhores de engenho locais. Os comerciantes consciente de sua força diante da situação, pedem ao rei de Portugal a elevação do povoado a vila. O rei atende a solicitação em 1710. Os recifenses ergueram um pelourinho no centro de Recife.

Inconformados, os proprietários olindense pegaram em armas e foram destruir o pelourinho, dando inicio à Guerra dos Mascates. A Guerra dos Mascates, deu início ao reconhecimento da cidade de Recife como a Vila, autorizada pela Coroa, e nesse reconhecimento, era inevitável o conflito. A coroa Portuguesa interveio em favor dos Recifenses, reconhecendo Recife como vila.

Olinda Patrimonio Historico e Cultural

História a parte. Em 1982, Olinda foi declarada, Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade.

Quem não foi ainda no alto da Sé, precisa conferir o que há de mais exuberante lá do alto. As igrejas vista do alto, o mosteiro, a própria cidade de Recife, unida pelo mar. As tapioqueiras como parte da gastronomia olindense é um show a parte, os bonecos gigantes de Olinda, as troças carnavalescas, etc, etc.

Tapioqueiras do Alto da Sé - Olinda

Parabéns às duas belas cidades Recife e Olinda pela sua história, pelos seus pontos turísticos.
__________________

Pernambuco Turismo

Nenhum comentário:

Postar um comentário