Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

08 abril 2012

JOGOS OLÍMPICOS EM LONDRES


Em ano olímpico, Londres pede boa disposição e fôlego
MARINA DELLA VALLE
ENVIADA ESPECIAL A LONDRES


Gruas vermelhas se destacam entre as árvores do Hyde Park. Em Leicester Square, pedestres desviam de empilhadeiras e das obras no chão. Londres recebe os últimos retoques para uma temporada agitada - e muito.
O grande evento são os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2012, de 27 de julho a 12 de agosto e de 29 de agosto a 9 de setembro, respectivamente.
Com a Olimpíada vem o London 2012 Festival, de 21 de junho a 9 de setembro, com mais de mil performances, eventos e espetáculos não só em Londres, mas em outros locais do Reino Unido.
O Brasil também faz parte da programação, com três noites do festival Black2Black, com Gilberto Gil, que servirá de anfitrião para, entre outros, Edgard Scandurra, Arnaldo Antunes, Criolo, Marcelo D2 e Luiz Melodia (de 29/6 a 1º/7, em Old Billinsgate, ingressos de £ 45 a £ 120).
Suficiente? Pois o Reino Unido ainda celebra o Jubileu de Diamante da rainha Elizabeth 2ª, a segunda monarca do país a alcançar 60 anos no trono. A série de eventos pelo país já começou e vai até o final do ano, mas o ponto central das celebrações - de 2 a 5 de junho, um final de semana prolongado - acontece em Londres.
Além de eventos como mais de mil embarcações navegando pelo Tâmisa e o desfile da família real em carruagens pelas ruas de Londres, o jubileu também trouxe em seu rastro novas exposições, como a dedicada à rainha Vitória no recém-reformado palácio de Kensington, e remodelações, como o espaço das joias da Coroa na torre de Londres, a atração mais famosa do local.
Portanto, quem vai a Londres deve esperar novidades - e se preparar para enfrentar longas filas, lugares esgotados e grandes multidões.
Marina Della Valle/Folhapress
Vista do estádio olímpico de Londres
Vista do estádio olímpico de Londres
PARQUE OLÍMPICO
Neste ano, Londres torna-se a única cidade a abrigar os Jogos Olímpicos modernos por três vezes: as outras duas foram em 1908 e em 1948.
As competições ocorrem em diferentes pontos dentro e fora de Londres, mas é o Parque Olímpico, no leste da cidade, o centro dos acontecimentos e das atenções.
Dominado pela escultura "ArcelorMittal Orbit" -uma torre de observação de 115 metros do artista indiano britânico Anish Kapoor-, o parque não busca rivalizar com a grandiosidade das estruturas dos jogos de Pequim (2008), mas abriga construções interessantes.
Chamam a atenção o velódromo, que será transformado em um veloparque após os jogos, e o centro aquático.
Em tempos de crise econômica brava na Europa, as maiores críticas ficam por conta dos gastos de verba pública, que saltaram de £ 9,3 bilhões para £ 11 bilhões.

Leia mais aqui